escrever para crianças…é tão bom!

 

Por vezes pergunto-me a mim mesma,  porque razão eu gosto de escrever para crianças?

Vêm-me à cabeça uma serie de imagens: As crianças são lindas,  genuínas, puras, curiosas, deixam-se encantar e acreditam nos sonhos.

Mas devo dizer que ao ler as palavras de Isaac Bashevis, Prémio Nobel  da Literatura em 1978, senti uma enorme comunhão:

Primeiro- As crianças lêem os livros, não as críticas. Não dão  a menor importância aos críticos.

 

Terceiro– as crianças não lêem para se descartar e sentimentos de culpa, nem para saciarem a sua sede de rebelião, nem para se livrarem da alienação.

 

Sétimo– Acreditam em deus, na família, nos anjos, nas bruxas, nos duendes, na lógica e na clareza (…)

 

Oitavo– Adoram histórias interessantes e não os comentários, guias ou notas de rodapé.

 

Nono– Quando um livro é chato, elas bocejam abertamente, sem sem qualquer medo ou vergonha.

 

Décimo– Não esperam que o seu escritor querido vá salvar a Humanidade. Embora jovens, elas sabem que isso não está ao alcance do autor. Só os adultos têm dessas ilusões infantis.”

E está tudo dito…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *